Terça-feira, 12 de dezembro de 2017   
 
 
 
 

CURTAS
27 de maio de 2016

Braskem reduz suas emissões de gases do efeito estufa
Ao longo de 13 anos, a petroquímica investiu mais de
R$ 100 milhões em melhorias de processo que diminuíram impactos na atmosfera

Com uma estratégia de negócios comprometida com a economia de baixo carbono, a Braskem, líder na produção de resinas plásticas nas Américas, continua a reduzir suas emissões de gases do efeito estufa (GEE), colocando a indústria química nacional em um novo patamar global de sustentabilidade.

De 2008 até 2015, a empresa reduziu em 8% suas emissões absolutas de GEE e em 16% na intensidade carbônica, considerando as suas emissões diretas e as relativas à compra de energia. A empresa contabiliza suas emissões usando a referência internacional GHG Protocol. Além disso, contrata auditoria externa de todo o processo de mensuração. Nos últimos sete anos, a companhia evitou que 5,3 milhões de toneladas de CO2 chegassem à atmosfera, o que equivale ao plantio de mais de 35 milhões de árvores.

“Desde 2002, investimos mais de R$ 100 milhões para melhorar a eficiência operacional e energética de todas as nossas unidades industriais no Brasil e no exterior, por meio da adoção de novas tecnologias e processos. Com isso, conseguimos reduzir nossas emissões e, ao mesmo tempo, aumentar o volume de produção de nossas unidades produtivas em mais de 9%. Essa é uma contribuição concreta para a mitigação das mudanças climáticas, um dos maiores desafios atuais da humanidade”, afirma Jorge Soto, diretor de Desenvolvimento Sustentável da Braskem.

A companhia fez aportes em todas as suas unidades de insumos básicos no Brasil para otimizar a eficiência operacional de caldeiras, turbinas e fornos. No Polo Petroquímico de Camaçari (BA), investiu para a recuperação de uma corrente de hidrogênio e, também, na confiabilidade, no controle e na proteção do sistema de energia elétrica interno, reduzindo os riscos decorrentes de eventuais interrupções ou variações de energia por parte do fornecedor. Já a unidade da Braskem no Rio Grande do Sul foi a primeira do país a instalar um equipamento (Vapor Flute), que proporcionou as reduções de 4,4 megawatts/hora, de 22t/h de vapor e de 1,2t/h de óleo.

Recentemente a Braskem deu partida a sua mais nova planta industrial no México, que foi projetada seguindo as melhores tecnologias disponíveis. Isso permite afirmar que nos próximos anos a eficiência carbônica da Braskem melhorará ainda mais.

A empresa também está interessada em ter um portfólio de produtos cada vez mais sustentável. Recentemente, o Plástico Verde I’m green™ recebeu certificação da sua pegada de carbono. Até o momento, é o único produto a apresentar pegada negativa, ou seja, consegue retirar gases de efeito estufa ao invés de emitir. Esse novo selo foi uma iniciativa do Ministério do Desenvolvimento da Indústria e do Comércio (MDIC), que define e orienta ações para implantação da Política Nacional de Mudanças Climáticas em setores industriais prioritários.

Pela adoção de iniciativas de vanguarda, a Braskem já recebeu diversos reconhecimentos. Em 2015, foi eleita a melhor empresa brasileira em gestão de carbono no ranking do Carbon Disclosure Project (CDP), um dos indicadores de sustentabilidade de maior credibilidade no mundo. O CDP é uma organização internacional sem fins lucrativos que mede e incentiva companhias a divulgarem informações sobre seus impactos no meio ambiente. Além disso, a Braskem faz parte da carteira do Índice Carbono Eficiente (ICO2) da BM&FBovespa, desde 2011, e integra o Dow Jones Sustainability Emerging Markets Index, o índice de sustentabilidade de países emergentes da Bolsa de Nova York, desde 2012.

Sobre a Braskem

Controlada pela Organização Odebrecht, a Braskem é a maior produtora de resinas termoplásticas das Américas, com volume anual de 16 milhões de toneladas, incluindo a produção de outros produtos petroquímicos básicos e com faturamento anual de R$ 54 bilhões. Com o propósito de melhorar a vida das pessoas, criando as soluções sustentáveis da química e do plástico, a Braskem atua em mais de 70 países, conta com 8 mil integrantes e opera 40 unidades industriais, localizadas no Brasil, EUA, Alemanha e México, esta última em parceria com a mexicana Idesa.

Arquivo - Curtas
27 de outubro de 2017
PIB mais PIV, será que um novo foco de luz no final do túnel?
19 de outubro de 2017
Inauguração do Parque Eólico em São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte
29 de setembro de 2017
6º Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade
14 de setembro de 2017
Evento gratuito em São Paulo busca soluções para ampliar acesso a água potável e saneamento básico
11 de agosto de 2017
Shoppings Centers avançam em ações socioambientais
11 de agosto de 2017
Guia contribui para sustentabilidade na produção de leite
11 de agosto de 2017
Apoio aos comerciantes para o descarte de pilhas e baterias
15 de julho de 2016
Sustentabilidade feita em Casa!! Ação Interna da Avaya reduz consumo de 30 mil copos descartáveis
15 de julho de 2016
Do Lixo ao Luxo: Projeto na Rocinha pretende transformar gestão de resíduos em oportunidades de renda!
06 de junho de 2016
Toyota ultrapassa a marca de 9 milhões de veículos híbridos vendidos no mundo
27 de maio de 2016
Braskem reduz suas emissões de gases do efeito estufa
23 de maio de 2016
Fortes investimentos contribuem para que Braskem reduza emissões de gases de efeito estufa
23 de maio de 2016
Toyota inaugura moderna fábrica de motores e reduz impactos ambientais
23 de maio de 2016
CURTAS - Nova Seção
Ações sustentáveis que fazem a diferença
 

2011 ~ 2017 - EcoCanto21
Reinaldo Canto
Todos os direitos reservados - www.ecocanto21.com.br
11 usuários online

Desenvovido por Tecnologia